Ministério inicia ações de prevenção e controle da gripe aviária

O Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) está empenhado no combate à gripe aviária, prestando informações a seus técnicos sobre os perigos da doença. Programas de televisão e vídeo-conferência fazem parte da estratégia para alertar sobre os riscos do vírus H5N1, causador da gripe aviária.

No início de março o MDA começará a distribuir folheto com perguntas e respostas sobre a doença. Intitulado “Gripe aviária: o que saber e o que fazer”, o folheto destina-se aos extensionistas de assistência técnica do MDA e do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) que orientam cerca de 1,8 milhão de famílias de agricultores familiares e de assentados em todo o país.

– Quando esses técnicos e o conjunto dessa liderança de agricultores familiares que está sendo mobilizada por nós estiverem informados, nós teremos um conjunto expressivo de atores na informação sobre o que é a gripe aviária, de forma que a população não entre em pânico, mas que também não tenha a questão da gripe como alguma coisa banal, que a trate com a seriedade que deve ser tratada – ressalta o diretor do Departamento de Assistência Técnica e Extensão Rural do MDA, Argileu Martins da Silva.

O folheto explica que a gripe aviária é causada pelo vírus H5N1 e que pode provocar enfermidade grave também em humanos. Atualmente o vírus da gripe aviária circula em países da Ásia e da Europa, onde causou a morte de milhares de aves e mais de cem pessoas.

Existe a possibilidade do vírus se expandir para todo o mundo, de acordo com alerta da Organização Mundial de Saúde (OMS). Por esta razão o governo brasileiro elaborou um Plano de Contingência para prevenir e combater a doença. Todas as instituições federais têm ações específicas dentro desse plano para executar.

Argileu Silva explica que, além da distribuição de folderes, o ministério realiza outras atividades para que todos os agricultores familiares e assentados fiquem bem informados sobre a gripe aviária.

– A estratégia do MDA é levar informação para aqueles agricultores através da sua rede de técnicos. E, para isso, o MDA está utilizando algumas estratégias de comunicação de massa como Dia de Campo, vídeo-conferência, folderes, informação através de correio eletrônico de forma que os técnicos tenham a informação correta do que é a gripe aviária e o que fazer em caso de suspeita da gripe aviária – destaca.

Quem tiver dúvidas ou desejar obter mais informações sobre gripe aviária pode ligar para o telefone 0800.78.7000. A ligação é gratuita.

Fonte: Assessoria

Deixe uma resposta